Associação Brasileira de Brangus
Login:   Senha:  
  história
  diretoria
  sócios
  técnicos
  interatividade
  fale conosco
  comunicados
  rank
  catálogo
  genealogia
  trocar a senha
  denúncias
             reclamações
  artigos técnicos
  Revista Brangus
  clima
  eventos
  notícias Brangus
  notícias RSS
  download
  fotos
  vídeos


Matéria atualizada 11/01/2019

Pecuaristas de Minas Gerais apostam na raça Brangus

Estado conta atualmente com um plantel de cerca de 1.367 mil exemplares registrados segundo a Associação Brasileira de Brangus

Criadores de bovinos de corte que estão apostando no Brangus colhem os resultados positivos desta decisão. No Estado de Minas Gerais, conforme a superintendência de registro genealógico da Associação Brasileira de Brangus (ABB) o plantel é formado por cerca de 1.367 mil animais registrados. A perspectiva é que com os resultados comprovados, os números apresentem crescimento. No Brasil, entre 2015 e 2017, o número de animais registrados cresceu 10% conforme dados da entidade.

No Sul de Minas Gerais está localizada a Capa Brangus. Instalada na Fazenda São Carlos, próximo a Poços de Caldas, é uma marca da Carlos Amorim Pecuária e Agricultura, empresa também produtora de café e cana-de-açúcar. Desde 1986, a Capa se dedica ao desenvolvimento de genética avançada da Raça Brangus, fornecendo touros e matrizes de elite e rústicos, com elevado padrão de qualidade, além de machos e fêmeas desmamados para seu projeto de engorda. De acordo com o proprietário, Carlos Amorim, a fazenda seleciona animais adequados aos padrões internacionais da raça com o objetivo de conceber linhagens adaptadas ao clima tropical, seus insetos e pastagens.

Amorim destaca que o pioneirismo no desenvolvimento da raça Brangus no Brasil deu à fazenda uma vasta experiência no acasalamento e seleção de reprodutores. “Atualmente contamos com cerca de 500 matrizes registradas, criadas a campo, selecionadas e melhoradas a cada ano. Nossa seleção de Touros e Matrizes começa já na desmama”, explica, complementando que os animais selecionados na Capa Brangus são preparados em regime de pasto suplementado e perfeitamente aclimatados. “Uma vez que saiam da fazenda, já estão prontos para serviço, sem necessidade de períodos de ambientação nem tampouco tratos ou instalações especiais”, ressalta.

O projeto de Bragus na propriedade iniciou há mais de 30 anos e hoje existe uma seleção de matrizes bastante adaptadas ao clima e que garante a produção de touros de primeira qualidade. “Hoje, como muita alegria, vemos que a nossa participação foi decisiva no desenvolvimento da raça no Estado. Não só próximo da fazenda, mas como em outros municípios mineiros, nós já percebemos nas pastagens a presença de animais pretos e vermelhos, sem dúvida, decorrência da inseminação do Brangus que está ganhando também Minas Gerais”, afirma Amorim.

A raça, que foi formada para unir a rusticidade das raças zebuínas com características do Angus, como a produção de carne de qualidade, tem entre suas vantagens os partos facilitados, altos pesos no momento da desmama e no sobreano, grande ganho de peso, tanto em pasto como em confinamento, fêmeas de reposição com puberdade precoce, enxertando aos 15 meses, e ainda oferece uma carne suculenta e macia, que atende aos mais exigentes paladares.

Associação Brasileira de Brangus
Foto: Brangus Carlos Amorim


Mais Notícias
Cabanha São Bibiano fatura alto em Uruguaiana
Tradicional evento do criador Antonio Bastos Filho ofertou bovinos Angus e Brangus, além de cavalos Crioulos
Fêmeas Red Brangus puxam as vendas da São Rafael
Também foram ofertados em São Borja, RS, reprodutores de genética apurada das gerações 2016 e 17
Fêmeas puxam as vendas da Capanegra
Evento promovido por Fernando Dornelles Pons integrou a programação da Expofeira de Bagé
Cabanha Catanduva se despede da raça Angus
Leilão que liquidou o plantel faturou R$1,1 milhão e teve como animal mais valorizado um touro Brangus vendido por R$16,2 mil
Cabanha Umbu promove remate com Angus e Brangus
O criador Angelo Bastos Tellechea recebeu pecuaristas e convidados em sua fazenda em Uruguaiana
Espinilho e Soldera registra 100% de liquidez em Esteio
Negócios envolveram bovinos das raças Angus, Brangus, Hereford e Braford, além de gado comercial
Procura por fêmeas dá o tom da comercialização no leilão Selo Racial
Vaca Brangus com prêmios na Expointer e valorização de touro foram os destaques do remate realizado em Uruguaiana
Touros Brangus saem à média de R$ 13.354 em virtual
O criatório Brangus HP promoveu o pregão, que também contou com animais da Brangus do Sertão
Touros da raça brangus alcançam os maiores preços no leilão da GAP Genética
Considerado um dos principais remates da temporada de primavera, evento foi realizado neste domingo (22) em Uruguaiana, na Fronteira Oeste
 
 
Redes Sociais :
Rua Piratininga, 908 Jardim dos Estados
Campo Grande, MS - CEP: 79020-240 - Fone: (67) 3321-1316
developed by